Frases de Santos

Artigos › 08/01/2021

OBEDIÊNCIA, UMA MOTIVAÇÃO

Santa Teresinha e seus pais.

 

A motivação de toda vocação deve ser a obediência. Veja: “Tendo Jesus subido a uma montanha chamou a si os que eram de seu agrado; e eles aproximaram-se deles”. (Marcos 3,13). Jesus fala, e eu escuto, porém, se eu O respondo com obediência, fica no meu livre arbítrio. Obedecer ou não? Fazer a vontade de Deus ou a minha? Claro que se eu tenho fé, e O amo, qualquer chamado é um chamado de amor e atendo com docilidade e de nada se torna um fardo. Mas além do escutar, decidir existe mais passos:

“Não deixaram para mais tarde: seu espírito estava pronto.” (do livro Intimidade Divina – pg136)
O pôr-se se a caminho, porém com fé, sem duvidar! Ao ler a primeira vez, pode-se pensar ah! mas pode ser que não seja a hora, eu não estou pronto para o que Deus me chama. Será? Será que Deus sendo Pai não sabe o que é melhor para nós! E quando eu peço algo quero para agora, mas quando Deus chama posso atender depois? É certo protelar? Deus é Deus. Uma vez numa homilia o Padre Overland falou que Deus nos prepara quando levantamos o pé. Olhando para os apóstolos Deus não escolheu os mais santos, os mais comedidos, os mais fortes, não! Deus nos chama na nossa miséria e então nos concede os dons que precisamos. Eis que é necessário mais uma coisa: o coração generoso para permanecer fazendo à vontade Dele.

A pequena via de Santa Teresinha, de modo muito simplório é isso. A nossa santinha doutora da Igreja, soube muito bem viver na humildade que é a verdade (Santa Teresa D’Ávila) onde ela sendo nada, e Deus sendo Deus, se abandonou, reconhecendo necessitada tudo, pobre, deixou Deus intervir em sua vida que a cumulou de graça e sem dúvidas Deus se tornou sua própria santidade. Ou seja, soube ouvir, decidir de imediato, pôr-se a caminho, com fé e generosidade.

“Tão logo Ele (Deus) nos vê convencidas do nosso nada, estende-nos a mão.” (Santa Teresinha)

E a questão da obediência? Como pode ser uma motivação, já que, quando uma criança não vai bem na escola, muitos são os pais que prometem presentes, coisas boas para servir de motivação. Bem, quando se tem a finalidade de contemplar a glória de Deus, de habitar o céu, obedecer é o grande prêmio em todo chamado, para toda lei divina, pois a obediência é a certeza que estou no caminho certo. Ela é como um carimbo indispensável no passaporte para o paraíso.

Que pela intercessão de Santa Teresinha tenhamos como maior motivação para assumir e exercer bem a nossa vocação a obediência.

Por: Aspirante Carmelita de São José

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.