Frases de Santos

Artigos › 30/03/2020

O Verdadeiro Amor!

O anseio pelo amor é algo natural do ser humano. Basta ouvirmos as musicas seculares e percebemos que o assunto principal diz respeito a este anseio das pessoas por amor, o amor deveria faze-los felizes, mas no entanto por muitas vezes os tornam infelizes. Pois nestas histórias (musicas seculares), esta o profundo desejo de ser amados por outras pessoas. Sentem-se valorizadas quando são amadas. Quando experimentam este amor são capazes de ficar em paz. Mas quando se frustram, o amor se torna um vicio. Começa a existir uma preocupação continua se os outros o amam. e muito mais… infelizmente o ser humano deturpou o verdadeiro sentido do amor!

O amor é uma dádiva de Deus as pessoas, é expressão da bênção divina à criação. É uma brasa que queima dentro do coração, como um rio que arrasta. É o amor enquanto disposição e atitude fundamental que determina o nosso pensar e agir, principalmente o amor entre Deus e o ser humano.É o amor que determina o seu pensar, seu sentir, seu querer e agir. O amor nos permite uma nova qualidade de vida. Quando olhamos para a vida dos grandes santos místicos da igreja, vemos que eles vivenciaram existencialmente o amor de Deus de uma forma escandalosa. Anselm Grüm relata que estes místicos costumavam descrever este amor com uma linguagem erótica. Pois, sempre que o ser humano é inteiramente possuído por algo, também o seu corpo é abrangido. Pois se nós crermos em Deus não somente com a mente, mas o experimentarmos em nosso coração e com todos os nossos sentidos, então todo o nosso corpo será atingido.O amor exige renuncia, não simplesmente renunciar a si mesmo, mas renunciar-se para dar-se para amar, amparar, socorrer, fazer a felicidade do outro.Nossa vocação é um chamado de amor. Quando somos chamados a uma vocação especifica, sacerdócio, celibato, vida consagrada, matrimônio e outros, precisamos renunciar muitas coisas. Não existe vocação sem cruz. Quando acolhemos nossa vocação estamos acolhendo o caminho de Deus para nossa vida.Precisamos sempre buscar o amor de Deus por meio da oração, o amor ao povo de Deus e viver bem a vida fraterna.Quando assumimos nossa vocação por amor a Deus, nós arrastamos outras pessoas para o senhor.

 

 Pe. Leandro Couto (julho de 2015)

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.