Frases de Santos

Formação › 30/05/2020

Liturgia: Mistério Pascal na História da Salvação

Hoje se fala muito de liturgia, mas poucos a compreendem em seu significado real. Seguindo uma linha diacrônica a partir do Primeiro Testamento, vamos trabalhar o Mistério Pascal na história do povo de Israel passando pelo Novo Testamento e pelo tempo da Igreja.

O que faremos está na perspectiva da continuidade do tema da história da salvação. Não há como separar a liturgia do mistério pascal e mistério pascal da história da salvação, pois, a História da salvação também é história presente, é o agora. Portanto, a História da Revelação de Deus aos homens é história de Salvação.

Pretendemos com esta serie de postes é discorrer sobre o tema: Liturgia: Mistério Pascal na história da Salvação. Articularemos o tema na perspectiva dos principais tratados teológicos: Antropologia Teológica, Theologia Patris, Revelação, Cristologia, Soteriologia, Trindade, Pneumatologia, Eclesiologia, Pneumatologia, Mariologia, Sacramentologia e Escatologia.

Tendo em vista que o tema “Mistério Pascal” foi um tema recuperado pelo movimento litúrgico do século passado, não há como entrar no tema da liturgia sem estudar o tema da Revelação.

Atualmente muitos buscam o sentido do mistério pascal, mas existe certa dificuldade quando se fala de sua centralidade na história da salvação, mesmo sendo acessível na Escritura, na Tradição e na Liturgia.  Toda esta realidade deve-se ao fato de cultivarmos certos hábitos mentais em nossos estudos de teologia, em nossa espiritualidade, na pratica pastoral encontramos algumas dificuldades que nos impedem de entender a fundo a centralidade do mistério pascal na vida cristã

Na primeira parte pretendemos passar pelos tratados de Antropologia Teológica, Theologia Patris e Revelação. Tanto a ação criadora quanto a ação salvífica é uma iniciativa livre de Deus. Ele se auto revela por meio da criação na história de seu povo e mesmo após a queda do homem, Deus busca um intenso diálogo com o homem, ou seja, podemos perceber uma intensa relação do homem com Deus e de Deus com o homem. A história do amor de Deus pelo ser humano se desenvolve ao longo da criação.

Na segunda parte pretendemos trabalhar os tratados de Cristologia, Soteriologia, Trindade, Theologia Patris e Pneumatologia. Tendo como fio condutor o Mistério Pascal, faremos uma síntese da história salvífica por meio de Cristo, também retomaremos o tema da Revelação.

Na terceira parte vamos trabalhar os tratados de Eclesiologia, Pneumatologia, Mariologia, Sacramentologia e Escatologia.  Abordaremos o “Mistério Pascal”, centro de toda História da Salvação e de toda Teologia e o tema da Liturgia como local do encontro de Deus com seu povo a partir da encarnação do Verbo. Pois na plenitude dos tempos, Deus se auto revela em Jesus, para nos salvar. Também vamos passar por alguns pontos importantes em relação a Encarnação e a Revelação. Também passaremos pelo tema de “Pentecostes”, pois, toda liturgia cristã está intimamente ligada ao mistério de pentecostes. E por fim trabalharemos o tema da sacrametologia e juntamente com a Eucaristia trabalharemos a Escatologia.

            Dessa forma, juntamente com os temas sugeridos, desenvolveremos a temática central: “Liturgia: Mistério Pascal na história da Salvação”, seguindo o itinerário teológico proposto. de forma sequencial…

Padre Leandro Paulo do Couto

1 Comentário para “Liturgia: Mistério Pascal na História da Salvação”

  1. […] 1º – Liturgia: Mistério Pascal na história da salvação […]

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.