Frases de Santos

Catequese › 17/12/2020

Dom da Fortaleza

Perseverança, Caráter, Autoridade e outros

O dom da Fortaleza nos ajuda a superar o pecado da Inveja, que nos paralisa diante das coisas, dos fatos e acontecimentos da vida. O invejoso não usa o que tem e inveja o que não tem, sobrando para ele a solidão, a paralisia e o desprezo.

Fortaleza significa: força, vigor, robustez, valor, energia,… constância. É uma virtude moral que nos dá forças para fazer o bem, sem nos deixarmos abater pelas dificuldades…

Papa Francisco em umas de suas catequeses usou a parábola do semeador para explicar o dom da Fortaleza. Como o próprio Jesus explica, o semeador representa o Pai, que lança a semente da Sua Palavra, mas, muitas vezes, esta semente encontra um coração árido ou corre o risco de se tornar estéril.

Com o dom da fortaleza, em vez disso, o Espírito Santo liberta o terreno do nosso coração da tibieza, das incertezas e de todos os medos que possam impedi-lo. É uma verdadeira ajuda, pois nos dá forças e também nos liberta de tantos impedimentos”.[1]

Quando olhamos para nossa realidade, podemos perceber que não faltam situações de perseguições, onde nós cristãos somos chamados a dar testemunho de fé, e ainda hoje muitos são chamados ao testemunho do martírio. Trata-se de algo inexplicável humanamente, uma situação que só se explica com a ajuda do Espírito Santo, que infunde fortaleza e confiança mesmo nos momentos mais difíceis da vida.

Todos nós conhecemos pessoas que vivem situações difíceis, tantas dores. Homens e mulheres que levam uma vida difícil, lutam para levar adiante a família e educar os filhos. Pessoas das quais não conhecemos o nome, mas que honram nosso povo, nossa Igreja, porque são fortes. Eles conseguem isso, porque têm a fortaleza que os ajuda. São santos cotidianos, santos escondidos em meio a nós com o dom para levar avante seu dever. E nos fará bem pensar nessas pessoas, pois se elas conseguem, por que nós não conseguiremos?”[2]

O dom da fortaleza não é necessário somente em casos extraordinários, mas deve alimentar a santidade na vida cotidiana. Como são Paulo nos ensina: “Tudo posso naquele que me fortalece”.

As pessoas fortes são aquelas que, através de uma boa formação moral, geralmente temperada na escola dos sofrimentos e dificuldades, não desistiram da luta e, enfrentando os reveses da vida, conservaram a ‘fortaleza de ânimo’. Vencendo a solidão, construíram a união fraterna, reconhecendo e usando o que dispunham, ao invés de lamentar o que não tinham.”[3]

O Senhor não nos dá uma prova maior do que podemos tolerar. Ele está sempre conosco. Às vezes, podemos estar tentados a nos deixar levar pela preguiça ou pelo desânimo, sobretudo diante dos cansaços e das provações da vida. Nesses casos, invoquemos o Espírito Santo para que, com o dom da fortaleza, possa aliviar o nosso coração e comunicar nova força de entusiasmo à nossa vida.[4]

Precisamos compreender que ter Fortaleza é não se deixar abalar diante dos acontecimentos difíceis de nossa vida. Quando temos consciência que não estamos sozinhos, pois temos um Deus que é Pai, que nos criou por amor… Diante da tribulação, ou seja, de nossas dificuldades, precisamos confiar em Deus, pois somente pelas nossas forças não seremos capazes caminhar. Deus nunca abandona aquele que lhes são fiéis.[5]

 

[1] Papa Francisco: https://noticias.cancaonova.com/especiais/pontificado/francisco/catequese-com-o-papa-francisco-140514/

[2] Ibidem.

[3] CARREIRA, Dom Joaquim Justino. Trevas ou Luz: Os pecados Capitais e os Dons do Espirito Santo. AIS, São Paulo. 2011. P 117.

[4] Papa Francisco.

[5] Cf. CARREIRA

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.