Frases de Santos

2ª-feira da 29ª Semana do TC

  • Primeira leitura
  • Salmo responsorial
  • Evangelho
  • Sabor da Palavra
Efésios 2,1-10

Irmãos, 1vós estáveis mortos por causa de vossas faltas e pecados, 2nos quais vivíeis outrora, quando seguíeis o deus deste mundo, o príncipe que reina entre o céu e a terra, o espírito que age agora entre os rebeldes. 3Nós éramos deste número, todos nós. Outrora nos abandonávamos às paixões da carne; satisfazíamos os seus desejos, seguíamos os seus caprichos e éramos, por natureza, como os demais, filhos da ira. 4Mas Deus é rico em misericórdia. Por causa do grande amor com que nos amou, 5quando estávamos mortos por causa das nossas faltas, ele nos deu a vida com Cristo. É por graça que vós sois salvos! 6Deus nos ressuscitou com Cristo e nos fez sentar nos céus em virtude de nossa união com Jesus Cristo. 7Assim, pela bondade que nos demonstrou em Jesus Cristo, Deus quis mostrar, através dos séculos futuros, a incomparável riqueza da sua graça. 8Com efeito, é pela graça que sois salvos, mediante a fé. E isso não vem de vós; é dom de Deus! 9Não vem das obras, para que ninguém se orgulhe. 10Pois é ele quem nos fez; nós fomos criados em Jesus Cristo para as obras boas, que Deus preparou de antemão para que nós as praticássemos.

Palavra do Senhor.

Sl 99(100)
O Senhor mesmo nos fez e somos seus.

Aclamai o Senhor, ó terra inteira, † servi ao Senhor com alegria, / ide a ele cantando jubilosos! – R.

Sabei que o Senhor, só ele, é Deus, † ele mesmo nos fez, e somos seus, / nós somos seu povo e seu rebanho. – R.

Entrai por suas portas dando graças † e em seus átrios com hinos de louvor, / dai-lhe graças, seu nome bendizei! – R.

Sim, é bom o Senhor e nosso Deus, † sua bondade perdura para sempre, / seu amor é fiel eternamente! – R.

Lucas 12,13-21

Naquele tempo, 13alguém, do meio da multidão, disse a Jesus: “Mestre, dize ao meu irmão que reparta a herança comigo”. 14Jesus respondeu: “Homem, quem me encarregou de julgar ou de dividir vossos bens?” 15E disse-lhes: “Atenção! Tomai cuidado contra todo tipo de ganância, porque, mesmo que alguém tenha muitas coisas, a vida de um homem não consiste na abundância de bens”. 16E contou-lhes uma parábola: “A terra de um homem rico deu uma grande colheita. 17Ele pensava consigo mesmo: ‘O que vou fazer? Não tenho onde guardar minha colheita’. 18Então resolveu: ‘Já sei o que fazer! Vou derrubar meus celeiros e construir maiores; neles vou guardar todo o meu trigo, junto com os meus bens. 19Então poderei dizer a mim mesmo: Meu caro, tu tens uma boa reserva para muitos anos. Descansa, come, bebe, aproveita!’ 20Mas Deus lhe disse: ‘Louco! Ainda nesta noite, pedirão de volta a tua vida. E para quem ficará o que tu acumulaste?’ 21Assim acontece com quem ajunta tesouros para si mesmo, mas não é rico diante de Deus”.

Palavra da salvação.

“E para quem ficará o que tu acumulaste?”

A busca desenfreada por riquezas e pelo poder é criticada por Jesus no Evangelho dessa segunda-feira. Desde o projeto inicial da criação fomos criados para o amor-doação, para a partilha. Deus criador de todas as coisas nos entregou toda a criação para que dela cuidássemos e partilhássemos, e espera o mesmo de nossos dons e talentos, que saibamos colocá-los à disposição do próximo, pois fomos criados à sua imagem e semelhança, vocacionados ao amor.

O desejo desenfreado por posses, que domina ou que tira proveito dos mais fragilizados, é sinal de que não estamos correspondendo a esse Amor tão generoso que recebemos de Deus, é sinal de que o egoísmo se apropriou do lugar de Deus nas nossas vidas. Jesus Cristo nos ensina que a verdadeira felicidade está no Reino de Deus que luta pela justiça, pela paz, pela dignidade e pelo valor da vida humana. Peçamos ao Senhor que nos liberte do egoísmo para nos abrirmos à partilha!

Reflexão dos Noviços da Província

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Curabitur gravida urna in erat pellentesque euismod. Etiam sapien lectus, rhoncus ut arcu sed, tincidunt blandit metus. Nam pulvinar nisi et neque facilisis malesuada. In suscipit tellus at metus efficitur sagittis. Praesent ac augue vitae ligula tincidunt luctus. Sed sapien mauris, malesuada quis quam at, fringilla pulvinar sapien. Morbi malesuada turpis sed dui interdum blandit. Duis rhoncus justo ac hendrerit volutpat. Praesent fermentum venenatis sem quis iaculis. Nulla semper ac dui eu accumsan. Donec ut turpis diam. Donec urna turpis, vehicula id eleifend id, consectetur et neque.

Ut tempus in quam vel lobortis. Cras in porttitor sem. Praesent vestibulum a ante at accumsan. Quisque interdum massa ultricies maximus tincidunt. Nullam dui mi, fringilla quis tortor sit amet, auctor porttitor eros. Duis quis dolor id ante tincidunt interdum posuere non mi. Morbi maximus dolor eu malesuada tincidunt. Sed feugiat urna sit amet molestie euismod. Suspendisse vitae sagittis turpis. Vestibulum scelerisque semper dui eget fringilla. Curabitur sit amet diam egestas, blandit nulla non, dignissim lorem. Ut purus nisl, volutpat nec iaculis id, viverra eget orci. Suspendisse nec risus vitae metus ultricies ullamcorper.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.